Tamas Pránáyáma 3/

4 – ADHAMA PRÁNÁYÁMA
Respiração abdominal sem ritmo. (ventre)
Outros nomes:
ardha pránáyáma, ardha prána kriyá.
No adhama pránáyáma a expiração é naturalmente mais longa isso produz uma
ação sedativa sobre o sistema nervoso alterando o metabolismo via estimulo
vagotônico, fazendo os batimentos cardíacos diminuírem seu ritmo e velocidade,
diminuindo a pressão sanguínea, relaxando a musculatura do corpo todo. Isso
influencia as percepções transmitindo autocontrole, auto-percepção e estabilidade
emocional. É um bom exercício para pessoas hiper-ativas, tensas e preocupadas
(ciclos de ansiedade).
Posição: Vajrásana, samánásana, virásana, swastikásana.
Mudrá: Jñana.
Execução:
a) Inspire permitindo um movimento abdominal para fora;
b) Retenha o ar por alguns segundos, sem contar ritmo;
c) Expire retraindo o abdômen, procurando esvaziar os pulmões o máximo possível.
Tempo: No mínimo 10 minutos de execução.
Efeitos: A respiração abdominal aumenta a oxigenação sanguínea, reduz a
circunferência abdominal, massageia vísceras e órgãos.
Chakra: Anáhata, manipura.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s