Ustrasana

USTRASANA2

USTRASANA- POSTURA DO CAMELO

Tradução: ustra = camelo; asana = postura; Postura do Camelo

#DESAFIO #30DIASDEYOGA #EUTAMBEMFAÇO

BENEFÍCIOS:

  • Fortalece a coluna vertebral
  • Melhora a postura e capacidade respiratória, pois abre a caixa torácica
  • Beneficia pessoas com ombros caídos
  • Tonifica as coxas e elimina tensões nas costas, ombros e nuca
  • Alonga tornozelos, coxas e virilhas, abdômen, peito e garganta
  • Fortalece os músculos das costas
  • Melhora a postura
  • Alonga os flexores do quadril profundas (psoas)
  • Aumenta a energia e ativa a circulação no rosto e pescoço
  • Estimula a glândula timo, fortalecendo o sistema imunológico
  • Acalma a mente e espírito

 

REALIZAÇÃO DA POSTURA:

  1. Começa sentado em Vajrasana
  2. Fique de joelhos, com os pés ligeiramente separados e os joelhos
  3. Coloque as mãos sobre os quadris
  4. Inspire levando as coxas e quadris para frente, arqueando as costas para trás
  5. Incline a cabeça para trás para olhar para cima
  6. Inspire novamente se curvando e eleve as mãos sobre a coluna para trás, até que elas estejam sobre os calcanhares
  7. Incline ainda mais a cabeça para trás
  8. Segurar 10-20 segundos, respirando livremente
  9. Descanse na postura de criança por alguns instantes.

OBSERVAÇÕES: Á princípio este esse asana pode ser difícil e deve ser feito aos poucos, com cuidado. No início você deve deixar os braços soltos ou apoiar as mãos na cintura, até alcançar os calcanhares após algumas semanas ou meses.

Uttanasana

UTTANASANA3

UTTANASANA
Tradução: ut = intenso; tana = alongamento; asana = postura
Postura de alongamento intenso
#DESAFIO #30DIASDEYOGA #EUTAMBEMFAÇO

BENEFÍCIOS:
• Estiramento intenso nas coxas, costas e cervical
• Confere agilidade e leveza nos movimentos corporais
• Alívio de dores nas costas por má postura
• Alivia dores no estômago, ativa as funções hepáticas e renais
• Melhora o funcionamento intestinal
• Benéfico para os nervos espinhais e ajuda a prevenir dores ciáticas
• Alivia mal-estar menstrual e efeitos da menopausa
• Previne dores de cabeça
• Vitaliza as células cerebrais melhorando a memória, raciocínio e clareza mental
• Combate a fadiga e ansiedade
• Ajuda a desbloquear o meridiano da bexiga e da vesícula biliar
• Confere equilíbrio as pessoas de personalidade extrovertida
• Desperta a capacidade de olhar para si e reconhecer os ambientes mentais
• Confere discernimento para decisões difíceis
• Induz a estabilidade mental

REALIZAÇÃO DA POSTURA:

1. De pé, em Talasana, inspire colocando as mãos nos quadris e expire inclinando-se para frente dobrando o quadril (não a cintura!)
2. Alinhe a parte da frente do tronco para fora dos quadris
3. Apoie as mãos nos tornozelos, ou logo abaixo dos joelhos
4. Esticando o tronco para frente, olhe ao longe, alongando também o pescoço
5. Dê bastante atenção à coluna vertebral. Você deve curvar o quadril, mantendo a coluna mais reta possível, sem mover os pés ou deslocar o quadril
6. O glúteo deve estar apontado para o alto, enquanto o tronco se alinha em um ângulo em torno de 90 graus
7. Pressione os calcanhares no solo e empine o quadril em direção ao teto
8. Perceba os bloqueios musculares que precisa enfrentar para ficar nesta postura e tente vencê-los
9. Fique na postura por 5 ciclos respiratórios
10. Você pode usar uma cadeira para apoiar-se e ajudá-lo a manter a coluna ereta enquanto permanece na postura
11. Não curve a coluna ao levantar! Em vez disso, coloque as mãos em punho atrás da lombar e vá desdobrando a coluna, desencaixando o quadril e encaixando a bacia enquanto inspira profundamente.

Jathara Parivathasana

JATHARA PARIVATHASANAJATHARA PARIVATHASANA

Tradução: jathar = abdomem, parivartti = torcer
asana = postura

#DESAFIO #30DIASDEYOGA #EUTAMBEMFAÇO

BENEFÍCIOS:
• Alonga e desperta a coluna
• Alonga os glúteos e reajusta o quadril
• Alivia e previne dor na área lombar
• Abre a caixa torácica inferior para permitir a respiração mais profunda
• Hidrata os discos da coluna vertebral
• Aumenta a capacidade respiratória
• Desperta o fogo digestivo
• Queima gordura na área abdominal

REALIZAÇÃO DA POSTURA:

1. Inicie a postura deitando de costas, sinta o corpo tocando o chão
2. Estenda a perna direita
3. Inspire e traga o joelho esquerdo em direção ao peito
4. Expire e sinta o lado direito do quadril e a perna toda bem alongada no chão
5. Delicadamente vire o joelho esquerdo até o chão, para o lado direito, usando as duas mãos
6. Estenda o braço esquerdo no chão na altura dos ombros, palma para cima e descanse a mão direita no joelho esquerdo
7. Vire a cabeça para a esquerda e fixe os olhos nas pontas dos dedos
8. Realize 5 ciclos respiratórios
9. Repita a mesma postura várias vezes, com os lados invertidos

Pashimotanasana

pashimotanasana colagem

PASHIMOTANASANA
Tradução: Paschima = ocidental (oeste, neste caso, são as costas, pois se pratica asana de frente para o leste, onde nasce o sol; uttana = alongamento intenso
“postura de alongamento intenso das costas”
#DESAFIO #30DIASDEYOGA #EUTAMBEMFAÇO #DIA16

BENEFÍCIOS:
• Alonga toda a extensão dos músculos posteriores do corpo
• Alonga os músculos da coluna e os isquiotibiais
• Beneficia os músculos abdominais e aumenta a circulação ao longo da coluna vertebral
• Útil nos no tratamento para dores no ciático
• Aumenta o domínio sobre o corpo
• Revigora a irrigação cerebral, beneficiando o sistema nervoso
• Melhora o funcionamento dos intestinos
• Acalma as glândulas suprarrenais
• Beneficia rins, baço e fígado, melhorando a digestão e eliminação de toxinas
• Aumenta a autoconfiança, a segurança e o poder de decisão
• Beneficia o chakra básico, equilibrando a energia sexual
• Ajuda a tratar a impotência e estimula os ovários, o útero e todo o sistema reprodutor

REALIZAÇÃO DA POSTURA:

1. A partir da posição de Dandasana, junte as pernas. Estique os calcanhares assegurando que estão igualmente apoiados no chão
2. Assente as palmas das mãos no chão ao lado das coxas
3. Inspire profundamente levantando os braços e na exalação estique os braços de encontro aos pés, segurando os calcanhares, ou mesmo a região abaixo dos joelhos
4. Mantenha a parte de trás das coxas rentes ao chão. Esta é uma parte importante desta postura. Não deve deixar que as coxas descolem do chão.
5. A cabeça deve estar orientada para frente visualizando as pontas dos pés ou um ponto à frente
6. A cada inspiração, solte o tronco ligeiramente e a cada expiração, leve mais o tronco perto das pernas. Faça movimentos de acordo com a respiração e sem forçar
7. Vá até onde for confortável e seguro, não excedendo à sua capacidade
8. Os músculos vão cedendo, e aos poucos o tronco desce e o abdômen poderá tocar a coxa
9. Permaneça na postura por 10 ciclos respiratórios
10. Para sair da postura, você deve inspirar, elevando o tronco devagar e desdobrando a coluna, até que fique novamente em dandasana.