TAMAS PRÁNÁYÁMA 5/

6 – BANDHA ADHAMA PRÁNÁYÁMA
Abdominal sem ritmo e com bandhas.
Outro nome:
bandha ardha prána kriyá.
Posição: Vajrásana, samánásana, virásana, swastikásana.
Mudrá: Jñana.
Execução:
a) Inspire permitindo um movimento abdominal para fora, eleve o queixo
tombando a cabeça para trás e alongando na frente do pescoço a região da
tireóide;
b) Retenha o ar, enquanto pressiona a língua contra o palato mole no céu da boca
executando jíhva bandha;
c) Expire retraindo o abdômen enquanto baixa a cabeça, comprimindo o queixo
contra a depressão jugular no peito (jalándhara bandha), sugando o abdômen para
dentro, para trás e para cima na caixa torácica (uddiyana bandha) e contraindo
fortemente os esfíncteres do ânus e da uretra (múla bandha).


Tempo: No mínimo 5 minutos de execução.
Efeitos: A respiração abdominal aumenta a oxigenação sanguínea, reduz a
circunferência abdominal, massageia vísceras e órgãos.
Chakra: Anáhata, manipura.

Vajrasana

VAJRASANA6

VAJRASANA – POSTURA DO DIAMANTE

#DESAFIO #30DIASDEYOGA #EUTAMBEMFAÇO

Tradução: vajra = raio, diamante, duro, impenetrável, adamantino

Asana = Postura; Postura do diamante

INFORMAÇÕES:

Vajrasana tem as pernas configurando ‘chaves’, o sangue se concentra da cintura para cima (região pélvica). Circulação do prana em condições mais proveitosas à concentração. Postura de ação e energia. Estabilidade física perfeita, induzindo à harmonização interior. Posição em que a coluna assume, sem esforço, seu alinhamento mais natural e os pulmões ficam livres para exercícios respiratórios profundos.

BENEFÍCIOS:

  • Postura de motivação, estimulação, para melhorar o ânimo
  • Bom para a digestão e acidez se praticado após as refeições
  • Fortalece os músculos pélvicos e previne hérnias de disco
  • Indicada para os que possuem dificuldade em conservar a coluna ereta
  • Aumenta a flexibilidade dos joelhos e extensão dos pés
  • Melhora a circulação na coluna, alonga os músculos das coxas
  • Ajuda as mulheres no parto, se feita com consistência durante a gravidez
  • Boa postura para se praticar meditação e pranayama
  • Equilibra os Chakras Muladhara, Swadisthana e Manipura

 

REALIZAÇÃO DA POSTURA:

  1. Sente-se sobre os joelhos, com os dedos grandes do pé juntos e calcanhares separados.
  2. Sente-se sobre os calcanhares e se possível, mantenha os joelhos juntos e costas retas.
  3. As mãos ficam sobre os joelhos ou no mudra que preferir.
  4. Feche os olhos e relaxe. Respire profunda e pausadamente.
  5. Permaneça o tempo que for confortável, especialmente após a alimentação, para estimular as funções digestivas.

Observações: Você só ficará confortável na postura se tiver um bom alongamento na região dos tornozelos. Se tem problemas nos joelhos e tornozelos, tente forrar o seu assento e respeite sempre o seu limite.

Repita a postura sempre respirando lentamente, com ênfase nas expirações, transferindo o peso do corpo, aos poucos, das coxas para os calcanhares.

Meditação

Meditação

Leia também A diferença entre meditação e concentração

Uma das técnicas mais efetivas de autocontrole por meio do pensamento é a meditação. Experiências científicas demonstraram que a reação do organismo à meditação ocorre de maneira oposta à reação durante uma situação de estresse: acalma o sistema nervoso, diminui os batimentos cardíacos, abaixa a pressão arterial e reduz o ritmo respiratório. Com o corpo totalmente relaxado o meditante experiencia um estado de repouso mais reparador do que o sono.

As técnicas de meditação proporcionam o desenvolvimento de clareza mental e aumenta a eficiência física. Ao contrário do descanso convencional, onde o estado de alerta é diminuído, a meditação melhora as habilidades motoras e diminui o tempo de reação da pessoa.

A meditação aumenta a habilidade de lidar com os estresses e transtornos da vida diária. Ao invés de se sentirem desprotegidas e perseguidas as pessoas que praticam meditação experimentam níveis mais baixos de ansiedade e têm maior controle de suas vidas e menor dependência dos outros.

Alguns minutos diários de meditação pode te dar o poder de ser responsável pela própria vida e ainda capacidade de lidar melhor com as ansiedades alheias.

Aqui você encontra diversos métodos de meditação, comece hoje mesmo e a se perceber de um modo totalmente novo!

YOGA MUDRA

YOGA MUDRA

Tradução: Mudra = “selo”. O Yoga mudra é o selo do Yoga

20170310_072956

FACEBOOK

Veja outros Asanas

BENEFÍCIOS:

  • Delicadamente, alonga os quadris, coxas e tornozelos
  • Acalma o cérebro e ajuda a aliviar o stress e a fadiga
  • Alivia dores nas costas e pescoço, quando feito com a cabeça e o tronco apoiado
  • Estimula a digestão
  • O ato curvado beneficia eficazmente especialmente na área lombar
  • As vértebras são liberadas da pressão, enquanto os ligamentos e músculos ao longo da espinha são esticados
  • Atua também na área pélvica do parassimpático, contribuindo para a simulação da atividade dos órgãos sexuais masculino e feminino
  • Diminui a ansiedade, se praticados diariamente, por 15 minutos ao longo de até um mês
  • Atenua febres, devido à posição na cabeça em contato com o solo
  • Acalma e relaxa a mente
  • Harmoniza o corpo
  • Determina uma atitude harmoniosa com deus e amplifica sentimentos humanitários e de gratidão
  • Elimina tendências agressivas
  • Propicia uma atitude interior de cuidado, percepção e reflexão de si mesmo

 

 

REALIZAÇÃO DA POSTURA:

  1. A partir de Vajrasana, desça o corpo suavemente esticando os braços acima dos ombros
  2. Os joelhos e quadris ficam dobrados, as canelas no chão
  3. A cabeça é alongada para frente em direção ao chão
  4. A testa toca o chão
  5. Os braços devem ser alongados para frente, em frente da cabeça
  6. O dorso dos pés deve ser estendido no chão.
  7. Fique na postura até completar 7 ciclos respiratórios.
  8. O foco é direcionado para a exalação
  9. Nas exalações de número impar (1,3,5,7) descontraia a musculatura da face, pescoço e costas.
  10. Nas exalações de número par (2,4,6), abandone todas as preocupações mentais de passado ou futuro.
  11. Relaxe na postura e mentalize todo o planeta terra girando em harmonia.
  12. Agradeça a oportunidade de estar mergulhado na vida, na mesma vida desfrutada por toda humanidade e por estar consciente disso.
  13. Para sair da postura, inspire e erga a coluna vertebral.